segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Um sonho levado a sério

por Kamila Babiuki

Conheci a Bru há um bom tempo atrás, quando ela ainda declamava poesias e, vez ou outra, a gente se encontrava nos festivais. Depois de um desses, a gente começou a conversar justamente por causa de um poema, “um poema louco”. E se somos amigas hoje, a culpa é toda dele.

De poesia, nosso assunto foi crescendo, e as rimas se confundiram com as tramas da vida. Uma acabou sabendo segredos da outra e as experiências, mesmo as minhas sendo quase todas conhecidas pra ela, já que a maioria ela já havia vivido, acabaram sendo divididas, escutadas com carinho, mesmo que fosse somente para apoiar ou ceder o ombro para a outra chorar.

E no meio do caminho, apareceu o Jorge. E balançou a história que ela me contava e que, querendo ou não, eu já participava.

E entre tantas turbulências, temperadas a sorrisos secretos e lágrimas avulsas, com uma pitada de solavancos, uma boa dose de companhia dos amigos (é claro que eu não deixar essa parte de lado, rs), esse casal lindo, que forma o encaixe perfeito, foi crescendo e amadurecendo, contagiando todos ao redor e demonstrando que um sonho precisa ser, antes de qualquer coisa, levado a sério e praticado.

Bru, Jorge, vocês me ajudaram em momentos de grande necessidade e eu, sinceramente, espero que nossa amizade nos traga frutos divinos.

E, com certeza, tudo o que é de vocês, Deus já preparou e deixou guardado no melhor lugar, para o melhor momento ♥

[na foto: Matheus, Kamila, Bru e Jorge]

4 comentários:

Bruna Bloinski disse...

Somos poetas, né? Uns escrevem mais, outros menos! Mas os versos da vida escrevemos sempre e é maravilhoso quanto um amigo nos ajuda nas rimas.
Ká, obrigada pelas trocas de experiências. Elas sempre serão importantes pra mim.
Amo você, minha amiga poeta!

karina e Júnior disse...

OIE!!
OBRIGADA PELA VISITA!!
FICAMOS MUITO FELIZES!

BEIJOS E BOA NOITE!

Joice disse...

Querida

Tem selinho pra vc no meu blog!

Bjs...

Wicky disse...

A Kamila é demais... Adorei o texto! Ela com certeza é uma amiga muito querida e esperamos contar com o dom da amizade dela para sempre! Valeu Ká!